Destaques APDC

destaque xpto

Aconteceu na APDC

Conferência APDC em parceria com ESPAP LAB

Inovação na Administração Pública
16  de  Abril   de  2005 | CCB, Lisboa

A inovação é uma peça absolutamente central nos desafios que se colocam hoje à AP.E Portugal tem todas as condições para ser um país inovador. Há que apostar na racionalização de recursos e na otimização do que foi e está a ser feito, o que implica mais investimento num Estado que tem muitos desafios e limitações. E as oportunidades são muitas. Não apenas no sentido de potenciar o setor público mas sobretudo para impulsionar a economia e a sociedade, através de uma nova visão e atitude. As parcerias e o envolvimento de entidades públicas e privadas são fundamentais, num cenário de novas vagas tecnológicas.

destaque
União Europeia

No próximo dia 6 de maio

CE revela estratégia detalhada para criar mercado único digital

2015-04-15 15:31:00 | Lisboa

A Comissão Europeia, através do seu vice-presidente, Andrus Ansip, apresenta a 6 de maio a sua estratégia detalhada para criar um verdadeiro mercado único digital europeu. Bruxelas elegeu vários domínios de atuação para potenciar todas as oportunidades do digital no crescimento económico e na criação de emprego. E para manter a Europa na liderança mundial.

destaque
Internacional

Administrações já chegaram a acordo para a fusão

Nokia dá 15,6 mil milhões pela Alcatel-Lucent

2015-04-15 11:20:00 | Lisboa

A Nokia confirmou ter chegado a acordo para compra da Alcatel-Lucent. As administrações dos dois grupos já aprovaram e o governo francês está a favor. A operação envolverá 15,6 mil milhões de euros, sendo concretizada através de oferta pública de troca de ações. Espera-se que o negócio esteja fechado no primeiro semestre de 2016, ficando os atuais acionistas da Alcatel com 33,5% da nova entidade que resultará da fusão.

destaque
Nacional

Holding fica com 15% de direitos de voto na ‘nova’ Oi

PT SGPS e Oi chegam a acordo

2015-04-01 11:50:00 | Lisboa

A PT SGPS e a Oi assinaram, na data limite, um acordo com os novos termos da combinação de negócios, pondo um fim às negociações que decorriam desde 18 de março. O projeto passa a assentar na Oi, não se avançando com a criação da CorpCo. A holding nacional passará a ter 15% dos direitos de voto numa entidade onde vai ser nomeada nova administração. E garante estar empenhada "em que a Oi seja bem-sucedida no seu processo de reestruturação e participe de forma ativa no processo de consolidação" brasileiro.

Mais notícias
Frase do dia

Dixit

"É verdade: Portugal está de novo a crescer, e a Europa também. Nada de muito espetacular, mas mesmo assim algum crescimento e até o FMI se mostra um pouco mais otimista. No entanto, se olharmos para os números com frieza, é fácil perceber como tudo está preso por arames. (...) Ninguém sabe bem por que é que a economia - portuguesa, europeia, mundial - se está a comportar de uma forma que desafia os modelos estabelecidos, pelo que ninguém pode, com honestidade, propor ‘soluções'. Estamos num tempo da tentativa e erro."

José Manuel Fernandes, Observador, 2015/04/15