EN

Destaques APDC

destaque xpto

Vai acontecer na APDC

Mário Vaz abre Ciclo de 2014 com líderes das TIC

Jantar-Debate com CEO Vodafone
06  de  Maio   de  2014 | Tiara Park Atlantic, Lisboa

Fusões, aquisições e consolidações. Alterações estruturais e de mercado. Novas ofertas convergentes. Mais investimentos. Concorrência a acelerar. Novos perfis de consumo. Receitas em queda. As TIC e New Media vivem dias de grandes desafios e exigem um novo posicionamento dos players. Quais as estratégias certas? Que negócios têm maior potencial? Como diferenciar ofertas? Que papel para a inovação? Como fazer frente à concorrência? Quais as respostas aos demais setores de atividade? Os líderes dos três grandes grupos das comunicações nacionais vão responder a estas e a outras questões no Ciclo de Jantares-Debate APDC 2014. Mário Vaz, CEO da Vodafone Portugal, será o primeiro orador-convidado, a 6 de maio. Segue-se Miguel Almeida, CEO da Zon Optimus, a 16 de outubro. A 4 de dezembro, participará Zeinal Bava, CEO da PT Portugal e da Oi. Marque já na sua agenda!

destaque
Nacional

Questionando fusão com Oi, pretende exercer direito de preferência

Isabel dos Santos quer PT fora da Unitel

2014-04-21 12:23:00 | Lisboa

A empresária angolana quer mesmo exercer o direito de preferência na compra dos 25% do capital que a PT detém na Unitel, alegando violação do acordo parassocial entre as partes. E questiona o operador português sobre a sua fusão com a Oi.

destaque
União Europeia

Tribunal de Justiça Europeu

Diretiva de Retenção de Dados é ilegal

2014-04-09 15:42:00 | Lisboa

O Tribunal de Justiça Europeu declarou ilegal a Diretiva de Retenção de Dados por colocar em causa os princípios da Carta dos Direitos Fundamentais, como o respeito pela vida privada e o direito à proteção de dados pessoais. Faltam garantias de privacidade e ultrapassaram-se "os limites impostos pela observância do princípio da proporcionalidade". A CE terá de apresentar nova proposta que respeite equilíbrio entre direitos fundamentais e combate ao crime.

destaque
Nacional

Modelo da oferta traz incerteza à operação

Oi inicia aumento de capital para fusão com PT

2014-04-04 15:41:00 | Lisboa

A fusão entre a PT e a Oi está numa fase decisiva, com o arranque do período de subscrição do aumento de capital do grupo brasileiro, um passo essencial para que a operação se concretize. A oferta decorre até 28 de abril e todas as ações terão de ser subscritas, sob pena da operação ser cancelada. Em simultâneo, decorrerá um roadshow com Zeinal Bava.

Lisboa acolhe ICT20142014-04-07 16:47:00 | LisboaAltice paga 17 mil milhões pela SFR2014-04-07 16:03:00 | LisboaSiemens cria até 300 empregos com novo centro de competências2014-04-07 16:01:00 | LisboaTDT: tv’s de sinal aberto entregam visão comum2014-04-04 15:38:00 | Lisboa'Nova' RTP2 passa para o Norte2014-04-04 15:36:00 | LisboaTIC com 3% do emprego e 4% dos negócios das empresas não financeiras2014-04-04 12:49:00 | LisboaPE aprova novo pacote regulatório2014-04-03 17:29:00 | LisboaSonaecom reduz administração2014-04-02 10:47:00 | LisboaSuspensão da oferta da Oi revogada2014-04-02 10:44:00 | LisboaCTT lança oferta única ibérica2014-04-01 17:08:00 | Lisboa
Mais notícias
Frase do dia

Dixit

“Hoje, o que move a PT é a Oi. E no futuro também. O que acontecerá no seio da atual PT valerá muito pouco na imensidão que é a Oi. A PT vai deixar de existir. Esta é a realidade que pode tornar-se difícil aceitar à luz dos nossos olhos mas à qual nos vamos ter que habituar. Se a PT, com o ‘expertise’ que se lhe reconhece, conseguir ajudar a Oi a transfigurar-se e ao conquistar o mercado brasileiro, a nova empresa tem um potencial enorme. Mas os riscos também são grandes.”

Ulisses Pereira, Jornal de negócios, 2014/04/07


Não perca tempo!

Seja Sócio!
Faça parte do Mundo das TIC com a APDC

Tenha acesso privilegiado e participe na construção do futuro!

APDC no flickr