Uber perde mil milhões de dólares no 1º trimestre

2019-05-31 A plataforma global de transporte em veículos descaracterizados perdeu no primeiro trimestre do ano 1,01 mil milhões de dólares, afetada pelo aumento dos custos em 35%. Já as receitas aumentaram 20%, superando as estimativas, para 3,1 mil milhões. São as primeiras contas divulgadas pela Uber, depois da sua entrada na bolsa norte-americana, a 10 de maio.

Já em igual período do ano passado, a Uber conseguiu lucros de 3,75 mil milhões de dólares, graças à venda de ativos internacionais. Numa base operacional, as perdas mais do que duplicaram neste primeiro trimestre.

A Uber adianta que no trimestre um total de 93 milhões de pessoas usaram pelo menos um dos seus serviços por mês, totalizando 1,6 mil milhões de viagens, o que inclui transporte em carros, bicicletas o scooters e entrega de comida. As receitas foram impulsionadas sobretudo pelo crescimento da Uber Eats, que alcançou os 89% em termos homólogos. Já o número de viagens e de utilizadores ativos mensais cresceu 30%.

2019-09-20 | Atualidade Nacional

No âmbito da cooperação entre as duas entidades


2019-09-19 | Atualidade Nacional

NOS mantém a liderança deste mercado, com quota de 40,5%


Como preparação para a introdução e implementação rápida do 5G


2019-09-20 | Breves do Sector

Os primeiros depois do embargo dos EUA


2019-09-17 | Breves do Sector

Com reforço da liderança na inovação de bases de dados