Altice admite vender torres de comunicações em Portugal

2018-01-10 Reiterando a sua aposta no mercado nacional e na compra da Media Capital, processo que está nas mãos da AdC, o grupo Altice admite colocar à venda as torres de comunicações que detém em Portugal. No âmbito da venda de ativos não estratégicos, parta reduzir o seu elevado endividamento, não estão previstas outras alienações em Portugal.

A noticia surge na sequência do anúncio da separação entre a operação dos Estados Unidos e da Europa. O presidente executivo da nova Altice Europa, Dennis Okhijsenn, referiu durante uma conferência telefónica com jornalistas que o portefóliode torres em Portugal pode ser alienado, mas excluiu a venda de ativos estratégicos.

Em França, o processo de venda das torres de comunicações já está em curso, no âmbito da alienação de negócios não core, estando já em conversações com a Cellnex e a TDF. Há estimativas que apontam para um encaixe dentre 3 mil a 4 mil milhões de euros com a venda das torres nos dois países.

O gestor deixou ainda claro que todo este processo de reestruturação não põ em causa em causa a compra da Media Capital, processo onde a Altice está comprometida. Recorde-se o dossier está nas mais da Autoridade da Concorrência (AdC), depois da ERC não ter chegado a consenso sobre o tema e do parecer não vinculativo da Anacom, que apontava para os riscos da operação na concorrência.

2019-12-12 | Atualidade Nacional

Grupo assume compromisso de investir 500 milhões por ano


2019-12-12 | Atualidade Nacional

Demonstração para auxiliio às equipas médicas em situações de emergência


De acordo com as estimativas da Juniper Research


Project Captis pretende melhorar workflows


2019-12-12 | Breves do Sector

Para a transformação digital do teatro lírico português


2019-12-12 | Breves do Sector

Passando a integrar grupo de elite de fornecedores de soluções