Altice e SIC assinam novo acordo para distribuição de canais

2019-09-06 A Altice Portugal e a SIC anunciaram a assinatura de um novo acordo para a distribuição dos canais da estação no serviço MEO, válido por mais 3 anos. Esta renovação representa mais um passo muito relevante na relação entre as empresas, diz o operador de comunicações em comunicado.

A assinatura do acordo com a Altice Portugal acontece dias antes da apresentação da nova temporada da SIC, que contará com várias apostas, onde se destaca a estreia de “Nazaré”, a nova novela das noites da estação. Desde de fevereiro que a estação de tv do grupo Impresa voltou a liderar as audiências nacionais, impulsionada pelo sucesso de programas como “Golpe de Sorte”, “O Programa da Cristina”, “Júlia” ou da informação da estação.

“Este novo acordo que agora firmamos para a distribuição dos canais da SIC no serviço MEO é da maior importância para a Altice Portugal. Numa altura em que a SIC é líder de audiências, com reforço do investimento em conteúdos, em diversificação de produto televisivo e numa nova estratégia e posicionamento, a Altice Portugal assume a sua satisfação com a assinatura deste acordo.
Claramente o investimento do grupo tem dado frutos, uma vez que a SIC generalista é hoje a estação mais vista pelos portugueses, tendo ainda na SIC Notícias uma referência no que diz respeito à informação que é feita em Portugal”, refere Alexandre Fonseca, Presidente Executivo da Altice Portugal, no comunicado.

“Este acordo reforça uma parceria com já vários anos. Continuaremos, através dos nossos canais líderes, a oferecer os melhores conteúdos televisivos aos espectadores do MEO”, acrescenta Francisco Pedro Balsemão, CEO da Impresa.

A SIC continuará assim a estar presente em todos os ecrãs dos clientes MEO, em HD, com uma vasta oferta de canais de televisão: SIC; SIC Notícias; SIC Radical; SIC Mulher; SIC K; e SIC Caras.

2019-09-20 | Atualidade Nacional

No âmbito da cooperação entre as duas entidades


2019-09-19 | Atualidade Nacional

NOS mantém a liderança deste mercado, com quota de 40,5%


Como preparação para a introdução e implementação rápida do 5G


2019-09-20 | Breves do Sector

Os primeiros depois do embargo dos EUA


2019-09-17 | Breves do Sector

Com reforço da liderança na inovação de bases de dados