Leilão do 5G arranca em outubro e termina em dezembro

2020-07-09 A ANACOM acaba de anunciar a atualização do calendário indicativo para a realização do leilão de frequências de 5G, depois da suspensão dos timings definidos em dezembro, com o impacto da crise da pandemia do COVID-19, que obrigou a suspender todo o processo. Assim, o regulador pretende iniciar o leilão já em outubro, decorrendo até dezembro. A atribuição dos direitos de utilização de frequências está prevista para janeiro ou fevereiro de 2021.

A consulta pública do projeto de regulamento do leilão para a atribuição de direitos de utilização de frequências para o 5G e outras faixas relevantes (700 MHz, 900 MHz, 1800 MHz, 2,1 GHz, 2,6 GHz e 3,6 GHz), que terminou na passada sexta-feira. De acordo com o regulador, foram recebidos 500 contributos vindos de organismos governamentais, os dois governos regionais, reguladores, instituições públicas, autarquias locais, prestadores de serviços de comunicações eletrónicas, fabricantes e o público em geral. O calendário indicativo refere que a aprovação do regulamento do leilão deverá acontecer em setembro.



2020-08-06 | Atualidade Nacional

Gestor de domínio de topo nacional lança app


2020-08-06 | Atualidade Nacional

Enquanto negócio do correio caiu, expresso e encomendas disparou


2020-08-06 | Atualidade Nacional

Com foco na alteração das regras de fidelização e implementação de 5G


2020-08-05 | Atualidade Nacional

Aplicação nacional para rastrear pandemia prestes a arrancar


2020-08-04 | Atualidade Nacional

De acordo com estudo da ANACOM sobre a qualidade do serviço móvel


2020-07-31 | Atualidade Nacional

Pandemia faz cair receitas de publicidade


2020-07-31 | Atualidade Nacional

De acordo com notícia avançada pela Reuters


2020-07-30 | Atualidade Nacional

Introduzidas durante o Estado de Emergência


2020-07-30 | Atualidade Nacional

Fibra do grupo chega já a 5,3 milhões de casas