Indra sobe lucros e receitas a dois dígitos

2022-07-28 As receitas da Indra voltaram a crescer a dois dígitos no 1º semestre do ano, assim como os resultados líquidos. A Minsait foi a principal responsável pelo crescimento do grupo no 2º trimestre, enquanto as áreas de transporte e de tráfego contribuíram para uma maior rentabilidade. O grupo alcançou ainda um novo recorde histórico em termos de carteira de encomendas, que ultrapassou os seus mil milhões de euros, o que ainda não reflete a deterioração das perspetivas económicas resultantes da guerra na Ucrânia.
Assim, a Indra registou nos seis primeiros meses do ano receitas totais de 1,8 mil milhões de euros, mais 11,6% que um ano antes. Os lucros ficaram nos 66 milhões de euros, com um incremento de 19,9%.
Tendo em conta estes resultados, a Indra reviu em alta as suas previsões para o total do exercício, apesar das incertezas do cenário macroeconómico mundial. Assim, antecipa obter um total de mais de 3,6 mil milhões de euros de receitas (3,55 mil milhões um ano anres) com um EBIT de 280 milhões (270 milhões em 2021).

Empresas estão a reforçar o investimento tecnológico para gerir desafios


Para desenvolver comunicações holográficas sobre a nova geração móvel


Para reforçar na área da colaboração


Segunda convocatória do CEF Digital prevista para outubr


Para dar resposta às tendências de mercado


Estão previstas multas até 15 milhões de euros paea infratores


Já terá convidado vários interessados para um leilão