CTT investe em startup de gestão financeira e documental

2024-04-18

Os CTT, através do 1520 Innovation Fund (antigo Fundo Techtree), lançado para apoiar atividades de inovação nas PME e startups, participou na ronda de financiamento da GoFact. Trata-se de uma startup que desenvolve soluções integradas de gestão para empresas e particulares, que proporcionam maior eficiência e democratização dos processos de gestão financeira e documental. 
"Este investimento na GoFact está incluído numa dinâmica de aceleração de investimentos no nosso Fundo 1520 em empresas de elevado potencial e em áreas que são prioritárias na Agenda de inovação dos CTT. O projeto tem uma forte componente de I&D aplicada ao desenvolvimento de tecnologia com vista à simplificação de processos de gestão documental, faturação online e de gestão bancária com suporte a inteligência artificial. Este investimento está em linha com a nossa convicção de que as empresas procuram cada vez mais soluções integradas que simplifiquem a sua gestão no dia-a-dia", afirma Nuno Matos, Diretor de Digital, Novos Canais e Inovação dos CTT.
"A GoFact vê assim reconhecida a sua estratégia e visão diferenciadoras num mercado altamente competitivo, e reforçada a sua aposta em I&D e inteligência artificial no desenvolvimento de soluções de gestão financeira e documental ao serviço das empresas e particulares", garante Hugo Pinto, CEO e Founder da GoFact.
Para os CTT, esta aposta reforça a proximidade ao ecossistema de startups em áreas onde opera. Esta é mais uma startup em que o fundo 1520 aposta e a sua operacionalização e acompanhamento será feito através do programa de interação com startups dos CTT, o 1520 StartuProgram.
O Fundo 1520, com uma dotação, reforçada no final do ano passado, de 8 milhões de euros, visa investir em startups (seed, series A e growth) e PME, privilegiando a atuação em setores alinhados com as prioridades de atuação dos CTT, nomeadamente e-commerce, operações & logística, comunicações, fintech, retalho, publicidade e sustentabilidade. Está também prevista a possibilidade de coinvestimento, com a abertura para eventuais parcerias com redes de investidores, para promoção de partilha de oportunidades de investimento.
Já o programa 1520 StartuProgram desenvolve e apoia startups nacionais e contribui em simultâneo para o desenvolvimento do seu próprio ecossistema. O programa de interação com startups visa abrir as portas dos CTT ao respetivo ecossistema, procurando projetos que se enquadrem no nosso negócio, potenciando áreas de colaboração conjunta e com os benefícios recíprocos que daí advêm. Desde a sua criação, já mapeou mais de 2.000 empresas, contando com 21 projetos atualmente em curso: 6 em parcerias comerciais, 15 em projetos de cocriação, 1 aquisição e 8 investimentos via Techtree, a KIT-AR, a Sensefinity, a Habit, a Fraudio, a Paynest, a Ubirider, a Neuralshift e a GoFact.
O 1520 Innovation Fund é integralmente financiado pelo grupo e a sua gestão foi confiada à Iberis Capital, que apresenta um currículo sólido em gestão de fundos de investimento e com espectro de empresas diversificado, de startups a PME.
 


2024-05-23 | Atualidade Nacional

Com 36ª edição dos Investor Relations and Governance Awards


2024-05-23 | Atualidade Nacional

Para aproveitar todo o potencial da tecnologia


2024-05-22 | Atualidade Nacional

Aliança para a indústria junta COTEC, INESC TEC, Kaizen Institute e Porto Business School


2024-05-22 | Atualidade Nacional

De acordo com previsões apontadas pela IDC


2024-05-22 | Atualidade Nacional

Decisão final está agora nas mãos da AdC


2024-05-22 | Atualidade Nacional

Lisboa quer posicionar-se a nível internacional nesta tecnologia


2024-05-22 | Atualidade Nacional

Com o grupo a focar-se cada vez mais no negócio da logística