Facebook domina preferências mas há plataformas a ganhar notoriedade e utilização

2021-10-20 O Facebook continua a ser a rede social com maior notoriedade espontânea e com mais utilizadores em Portugal. No entanto, há outras redes sociais que estão a ganhar terreno entre os portugueses, tanto em termos de utilização como de notoriedade espontânea em relação às respetivas marcas. Whatsapp, Instagram, Twitch, Telegram e TikTok são os principais, como mostra a edição de 2021 do estudo "Os Portugueses e as Redes Sociais".
Elaborado pela Marktest, este trabalho mostra que o Facebook é a rede social com mais referências espontâneas pelos inquiridos, com um registo de 98,5% de respostas quando se questiona sobre as redes sociais que conhecem. Este valor representa uma ligeira quebra face aos 99,6% de notoriedade registados no ano passado, reduzindo a distância face à segunda rede mais citada, o Instagram, também da gigante Facebook, que mantém a sua notoriedade em crescimento, com 89,6% de referências espontâneas.
O Twitter mantém a terceira posição no índice de notoriedade espontânea, com 57,5%. Já o TikTok, analisado pela primeira vez em 2020, subiu para 4º lugar, com 32,2% de referências. O WhatsApp ocupa a 5ª posição das redes sociais mais referidas de forma espontânea, com 27,5%.
Em termos de utilização das plataformas, o estudo mostra que os portugueses têm, em média, seis contas criadas nas redes sociais, mais do dobro da média que se verificava em 2011, quando a Marktest começou a produzir este estudo. O que confirma o crescimento exponencial do hábito de uso de redes sociais.
Também em utilização o Facebook é dominante, com 93,4% dos utilizadores de redes sociais a afirmarem ter perfil criado nesta rede Mais 1,2% face a 2020). Segue-se o WhatsApp, com 82,6% dos utilizadores (mais 2,6%) e Instagram, com 76,1% (mais 2,8%). De destacar que todas estas redes sociais são do grupo de Mark Zuckerberg.
O Twitch e Telegram destacam-se, assumindo-se como as redes sociais cuja penetração em Portugal mais cresceu. O Twitch duplicou os valores, para 10,1%, enquanto o Telegram quase duplicou a penetração e atingiu os 21,9%.

2021-11-26 | Atualidade Nacional

Anacom acaba de atribuir a licença ao operador


2021-11-25 | Atualidade Nacional

Tecnológica portuguesa aproxima pacientes a médicos através de vídeo consultas


2021-11-24 | Atualidade Nacional

Concurso para conetividade digital lançado até início de 2022


2021-11-24 | Atualidade Nacional

De acordo estudo "Hybrid Retail: A New Era", da Xpand IT


2021-11-24 | Atualidade Nacional

Regulador reitera que são dos mais altos da UE27


2021-11-24 | Atualidade Nacional

Anacom já aprovou relatório final do leilão


2021-11-24 | Atualidade Nacional

Num montante total de 650 milhões de euros


2021-11-19 | Atualidade Nacional

Ao mesmo tempo que acorda a atribuição de bolsas de estudo