IA ganha terreno e dados estão no centro da estratégia de adoção

2024-05-23

A Salesforce reuniu no seu World Tour Lisboa mais de mil profissionais e empresas, para apresentar as mais recentes novidades tecnológicas. A inteligência artificial (IA) e as estratégias de gestão de dados estiveram no centro das atenções, com empresas como a Galp, Ascendi, Ascendum e a Cryopdp a partilharem a forma como têm vindo a utilizar a
tecnologia, que resultados já obtiveram e quais os objetivos que esperam atingir no futuro.

Já todos falam de IA, já muitos utilizam IA a nível pessoal, mas o verdadeiro potencial da tecnologia ainda poderá estar para vir. Ganhos de produtividade, libertação de recursos humanos de tarefas rotineiras sem valor acrescentado e até ganhos de receitas e faturação estão entre os principais benefícios apontados, e já registados, entre as empresas que a implementaram. Mas como dar os primeiros passos? O que fazer para que a IA atinja os resultados esperados e em que áreas podem ser vistos os melhores resultados? Quais os desafios de implementação, segurança e regulação? Como organizar e utilizar dados próprios, com o fim dos cookies à vista?

Neste encontro tentou responder-se a estas e muitas outras questões. De acordo com o relatório State of Service, que partilha informações de mais de 5.500 profissionais de serviços de 30 países, incluindo Portugal, a maioria das empresas auscultadas (72%) já começou ou está a avaliar dar os primeiros passos na utilização da IA, com a larga maioria (81%) a afirmar já ter planos de investimento para este ano.

As três principais áreas de aplicação de IA em Portugal apontadas pelas empresas são a ‘Automação de sumários e relatórios', ‘Assistentes Inteligentes de Contacto com o Cliente' e ‘Recomendações e Ofertas Inteligentes'. No entanto, para que a utilização das novas tecnologias atinja todo o seu potencial, a base a partir da qual opera - dados - precisa de estar bem organizada. Segundo o relatório, 78% das empresas de serviços em Portugal estão a aumentar investimentos na integração de dados este ano.

No último ano, a Salesforce completou o seu portfólio de soluções para facilitar às empresas a incorporação de IA nos seus processos. Segundo a tecnológica, as soluções de gestão de relacionamento com o cliente (CRM) só poderão aproveitar a capacidade máxima da IA se houver uma estratégia de dados adequada, e se as tecnologias e funcionalidades que garantem a confiança forem reforçadas. O objetivo é o de alcançar resultados precisos, assim como garantir que os dados e informações das empresas e dos seus clientes sejam mantidos dentro dos perímetros de segurança das organizações.

"Confiança é, sem dúvida, a palavra de ordem que irá reinar ao longo desta revolução trazida pela IA. Como em qualquer relação, a construção da confiança precisa de bases sólidas, e é desde este primeiro degrau que queremos estar junto das empresas. Os benefícios destas novas tecnologias só são alcançáveis quando existem uma
estratégia real de consolidação de dados, pelo que uma base de dados sólida e de confiança, a par da integração da IA em todos os fluxos de trabalho da empresa, são ingredientes essenciais para o sucesso da IA", refere Fernando Braz, country manager da Salesforce Portugal.

A oferta de IA da Salesforce é construída em torno da Plataforma Einstein 1, a evolução da plataforma Customer 360, que permite efetuar a gestão de dados e implementação de IA, assim como automações em escala nas aplicações que fazem parte da plataforma: vendas, marketing, comércio, serviços e soluções verticais (Retalho, Saúde, Educação, Indústria, etc.). Já o Data Cloud permite que as empresas conectem os seus dados, reunindo-os numa só visão e utilizando-os para potenciar o Einstein, para que cada ação realizada esteja suportada por dados relevantes. Além disso, a Salesforce criou o Einstein Trust Layer, um conjunto de funcionalidades (como Data Masking ou Zero Retention Policy) que permitem tirar partido das capacidades da IA generativa, evitando os perigos que lhe estão associados.

Recentemente, a empresa anunciou ainda a disponibilidade de algumas das suas principais soluções na área de IA, como o Einstein Copilot - um assistente conversacional baseado em IA generativa com melhorias significativas na produtividade dos utilizadores - ou o Einstein 1 Studio - um conjunto de ferramentas low-code que permite aos administradores da Salesforce, e aos programadores, personalizar o Einstein Copilot para se adequar ao uso específico da empresa em questão.
 


2024-06-06 | Atualidade Nacional

Estudo da Minsait revela que é a principal motivação do investimento


2024-06-06 | Atualidade Nacional

Com subida no segmento de consumo e recuo no empresarial


2024-06-06 | Atualidade Nacional

Novos órgãos sociais do triénio 2024-2026


2024-06-06 | Atualidade Nacional

Para colocar Portugal na linha da frente na regulamentação da IA


2024-06-06 | Atualidade Nacional

De acordo com dados da Anacom para o 1º trimestre


2024-06-05 | Atualidade Nacional

Ignition permite co-construir projetos-piloto para soluções disruptivas


2024-06-05 | Atualidade Nacional

Para ampliar posição como hub estratégico para redes terrestres e submarinas


2024-06-05 | Atualidade Nacional

Nos serviços de armazenamento de dados, segurança e resiliência


2024-05-23 | Atualidade Nacional

Com 36ª edição dos Investor Relations and Governance Awards